Sobre

Graffiti \Graf*fi"ti\, s.m.
desenhos ou palavras feitos
em locais públicos. 
Aqui eles têm a intenção de 
provocar papos sobre TI e afins.

O Graffiti mudou!

Visite a nova versão em pfvasconcellos.net

O Rio de Janeiro continua lindo... e cheio de problemas.

O alívio dos incompetentes é um bode expiatório de impopularidade inconteste. O Rio encontrou o seu: a divisão dos royalties do ouro negro proposta numa tal emenda do Ibsen. Agora ficou fácil:

Quanta violência! - culpa da emenda do Ibsen.
Falta escola! - culpa da emenda.
Chove alaga tudo! - culpa da emenda.
O Dodô perdeu 2 pênaltis! - culpa da emenda.
Não tem mais Copa! - culpa da emenda.
Não tem mais Rio 2016!! - culpa da emenda
O Love ama a Rocinha!! - culpa da emenda.

O Steve Jobs falou que não abre loja da Apple no Rio nem sonhando! Culpa da...

Ops! O Jobs tem outro alvo: "as malucas taxas de importação" de nosso querido Brasilzão. Mas não deve faltar gente com o dedo duro apontando para a emenda do Ibsen.

Precisam avisar o Jobs que a coisa vai piorar. A OMC deu ganho de causa para o Brasil no caso dos subsídios pagos pelos EUA para seus produtores de algodão. A primeira parte do pacote de maldades (retaliações) foi meio nonsense: sobretaxar trigo!?!

A segunda parte faz mais sentido: cinema, música e software entram na lista de produtos sobretaxados.

Jobs seguirá distante. Assim como o Rio seguirá lindo... e cheio de problemas.

.:.

1 response to "O Rio tá de Bode"

  1. No ritmo que as coisas andam tô achando que logo vão achar razoável reeditar a política do café com leite e não tarda até pensarem em propor a volta do trabalho escravo na cultura da cana de açúcar para exportação.

    antoniofonseca

Leave a Reply